“Que o Amor é tudo que existe”, de Emily Dickinson

 

That Love is all there is,
Is all we know of Love.
It is enough, the freight should be
Proportioned to the groove.

Que o Amor é tudo que existe
É tudo que sei do Amor.
Isto é bastante – o peso deve
Adequar-se ao andor.

De Alguns poemas, Tradução de José Lira,
São Paulo, Iluminuras

3 Comentários

Arquivado em Poesia

3 Respostas para ““Que o Amor é tudo que existe”, de Emily Dickinson

  1. Pingback: “Que o Amor é tudo que existe&rdqu...

  2. Pingback: “Que o Amor é tudo que existe”, de Emily Dickinson | O LADO ESCURO DA LUA

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s